sexta-feira, 11 de março de 2011

Pai desnaturado

Num almoço no restaurante, eu e o pai pedimos um bolo de bolacha para os dois.
O do meio de volta de nós a cobiçar-nos a (pequeníssima) fatia de bolo.
Pede ao pai bolo, o pai dá-lhe um bocadinho. Pede-lhe outra vez, o pai responde-lhe:

-Está aí pão! Come pão!

Claro que o puto não comeu pão, mas foi da maneira que nos largou a nós e a nossa fatia(já disse que era mesmo mínima?!:P) de bolo.

8 comentários:

Mãe(q.b.) ao quadrado disse...

gulosos pá lolol

Maggie disse...

era capaz de fazer o mesmo, tbém sou tão gulosinha, he he he

Maggie

Carla Marialva disse...

Pois as vezes não comem nada de jeito dps querem do nosso, raisparta os putos pá!

Moimême disse...

Hoje descobri este blog e identifiquei-me de imediato...tenho dois lá em casa e por causa da crise já pensei pôr um fora de casa...é ser muito desnaturada?

sonia disse...

Sempre é melhor cobiçarem que tarem c-o-n-s-t-a-n-t-e-m-e-n-t-e a por-te os restos da boca deles no teu prato!
Irra que é uma irritação ter as espinhas deles ou os ossos no prato!

Conversas com Barriguinhas disse...

Isto são, efectivamente, "conversas" de mães a sério! ;)

Parabéns pelo blogue! De rir!

www.conversascombarriguinhas.pt

MãedoPimpolho disse...

compreendo perfeitamente! (é só rir...)

psorrydente13 disse...

Olha o pai!!! Pobre criança. Também queria!! Se fosse a minha pestinha tinha resolvido a coisa. Tirava-nos o prato e comia ela. É menina pra isso e pra muito mais!!!